As entorses do tornozelo

Ankle Sprains (Portuguese)

O que é a entorse do tornozelo?

A entorse do tornozelo consiste numa distensão de um ou mais ligamentos que se fixam aos ossos do tornozelo. Nos casos mais graves, o ligamento sofreu uma ruptura. Os ligamentos são como faixas elásticas que se ligam aos ossos e que auxiliam o movimento das articulações.


Entorse do tornozelo
Get Adobe Flash player
-UNIQUE1-Ankle_sprain_MED_ILL_PT-UNIQUE2-
A entorse do tornozelo é uma lesão nos pequenos ligamentos do tornozelo. As entorses ocorrem frequentemente durante uma queda em que o pé torce para fora.

A entorse do tornozelo é uma lesão frequente nas crianças e acontece porque a criança pode ter torcido o tornozelo ao praticar desporto ou por ter caído sobre o pé de uma forma estranha.

As entorses do tornozelo acontecem frequentemente na parte de fora do tornozelo, o que significa que este torceu para dentro. O tornozelo também pde torcer para fora.

A deslocação de um ligamento com algum inchaço é considerada uma lesão ligeira, enquanto que a ruptura de um ligamento acompanhada de inchaço é considerada uma lesão grave.

Sinais e sintomas da entorse do tornozelo

Após ter sofrido uma entorse no tornozelo, a criança poderá ter:

  • dificuldade em caminhar
  • dor moderada a acentuada
  • menos movimento no tornozelo

Outros sinais:

  • inchaço e hematomas na parte da frente e lateral do tornozelo
  • sensibilidade em redor dos ossos
  • pouca ou nenhuma sensibilidade sobre as protuberâncias ósseas

Controlo da entorse do tornozelo

Se o tornozelo estiver estável, se as dores forem poucas e se não houver sensibilidade ou inflamação no osso, é possível cuidar da criança em casa. Por conseguinte, telefone de casa para o consultório do médico da criança.

Se o tornozelo não apresentar sinais de estabilidade, se as dores forem muitas ou houver sensibilidade ou inflamação no osso, é possível que a criança tenha de ser vista por um médico, o qual efectuará alguns exames a fim de se inteirar da dimensão da lesão.

Cuidar da criança em casa

Descanso, gelo, compressas, elevação do tornozelo

Nas primeiras 24 horas, o tornozelo deve permanecer em descanso.

Enquanto a criança estiver acordada, em cada 4 horas e durante 3 dias, coloque compressas de gelo sobre a área inchada ou inflamada durante 30 minutos.

Mantenha o tornozelo da criança levantado (erguido) acima do nível do coração, a fim de ajudar a reduzir o inchaço.

Ibuprofeno, ligaduras e muletas

O médico poderá aconselhar a dar ibuprofeno (Advil, Motrin ou outras marcas) à criança a fim de controlar a dor e reduzir o inchaço.

As ligaduras ou uma bota Aircast poderão reduzir o inchaço e evitar lesões posteriores no tornozelo.

Se a criança tiver dificuldade em andar, poderá usar muletas.

Exercícios de reforço

Se a entorse for ligeira, a criança poderá iniciar os exercícios ao tornozelo nas 48 horas após a lesão. Tais exercícios englobam a movimentação do tornozelo pela sua amplitude de movimento natural dobrando-o para trás, para a frente, para dentro e para fora. Para melhorar o equilíbrio, é importante manter-se de pé sobre a perna lesionada. A introdução de exercícios ligeiros com pesos e de caminhadas fáceis ajudam à cura.

A lesão poderá demorar mais de duas semanas a melhorar e a cura completa poderá levar entre 10 a 12 semanas.

Quando deverá procurar assistência médica

Se a criança ainda apresentar muita dificuldade em andar e a dor continuar 48 horas depois, fale novamente com o médico. Poderá ser necessário introduzir mais exercícios e recorrer à fisioterapia.

Voltar à prática desportiva

A criança pode voltar à actividade desportiva quando houver amplitude completa do movimento e solidez total no tornozelo. A resistência deste poderá ser avaliada pedindo à criança para saltar cinco vezes sobre a perna lesionada. Verifique se a criança apresenta sinais de dor ou de instabilidade ao saltitar. Verifique também se a criança consegue correr facilmente em ziguezague.

Voltar à actividade desportiva demasiado cedo poderá contribuir para um aumento posterior do risco de lesão do tornozelo. Se não houver uma recuperação completa e total, a criança poderá vir a ter problemas a longo prazo. Os exercícios de aquecimento e o apoio com atacadores poderão ajudar a evitar lesões posteriores. Antes da criança voltar a praticar desportos de alta competição, deverá ser consultada por um médico com conhecimento de lesões desportivas e relacionadas com o desporto.

Pontos principais

  • As lesões do tornozelo podem causar dor e inchaço.
  • A cura requer tempo e paciência.
  • Os exercícios ajudam à cura do tornozelo.
  • As lesões graves deverão ser analisadas por um médico com conhecimento de lesões ósseas e articulares.
  • O regresso antecipado à actividade desportiva poderá originar problemas a longo prazo no tornozelo.

Srijana Gautam, BSc, MBBS, MRCPCH, DTM&H

Janine A. Flanagan HBArtsSc, MD, FRCPC

 

11/16/2009

Ivins D. Acute ankle sprain-an update. American Family Physician, 2006; 74:1714-20.



Notes: