Cuidados a ter com aparelhos para braços ou pernas

Cast care: Arm or leg cast [ Portuguese ]

PDF download is not available for Arabic and Urdu languages at this time. Please use the browser print function instead.

Aparelhos ortopédicos de gesso e em fibra de vidro para crianças. Leia os cuidados a ter com aparelhos ortopédicos para crianças em casa.

Em relação ao aparelho da criança

Os aparelhos, que servem para manter uma parte do corpo no seu lugar, são colocados por um técnico de ortopedia, médico ou enfermeira.

Todos os aparelhos são formados por um cano de peúga, algodão macio e, por fim, um molde em gesso ou fibra de vidro.

O aparelho em gesso

  • Quando aplicado, sente-se inicialmente que o gesso está morno, o que é normal. O aparelho ficará sólido ao toque em 10 a 15 minutos, embora demore 48 horas (dois dias) a secar completamente.
  • Enquanto estiver a secar, é possível sentir o aparelho frio e húmido até secar completamente.

O aparelho em fibra de vidro

  • O material em fibra de vidro é aplicado da mesma forma que o gesso.
  • A fibra de vidro seca numa hora, sendo mais leve e sólida do que o gesso.

Há uma despesa a pagar pelo material em fibra de vidro, assim como por outros materiais. Esta questão será explicada pela enfermeira, pelo médico ou por outro profissional.

Cuidar da criança em casa

A criança não poderá utilizar normalmente o braço ou a perna, dada a interferência do aparelho.

Siga todas as instruções que recebeu em relação às actividades físicas que a criança deverá praticar enquanto tiver o aparelho.

Sinais de existência de problemas com o aparelho da criança

Examine o aparelho da criança quatro ou cinco vezes ao dia. Se ela apresentar os sintomas seguintes, contacte o médico, a enfermeira ou o técnico de ortopedia ou dirija-se ao hospital:

Dedos dos pés ou das mãos que estejam azulados, brancos ou muito inchados

Mão em aparelho com a coloração pálida, comparada com mão não lesionada
Se o aparelho estiver muito apertado, a pele poderá ter cor pálida ou azulada nos pontos onde o aparelho termina, quando comparada com a pele da área não lesionada.

Os dedos dos pés ou das mãos devem estar mornos e cor-de-rosa. Pode comparar a temperatura, a cor e o tamanho dos dedos com os do outro braço ou da outra perna.

Enquanto estiver com o aparelho, a criança não deverá usar verniz para as unhas nem anéis, dado ser necessário observar se as unhas estão azuladas.

Dedos dos pés ou das mãos que não dobram nem endireitam

Quando tem um aparelho na perna, a criança deverá estar apta a dobrar e a endireitar os dedos dos pés. Quando tem um aparelho no braço, a criança deverá também conseguir esticar os dedos da mão, assim como o dedo indicador. Peça à criança para mexer todos os dedos do pé ou da mão ao longo do dia.

Se a fractura for recente, por vezes o inchaço poderá impedir que os dedos do pé ou da mão estiquem completamente.

Dormência (menos sensibilidade) num braço ou numa perna

A criança deverá ter sensibilidade total no braço ou na perna.

Não deverá haver entorpecimento, formigueiros (picadas) nem dormência no braço ou na perna lesionados.

Cheiros e odores provenientes do aparelho

Se a criança já tiver o aparelho há muito tempo, é normal que este comece a ter algum cheiro. É mais preocupante se houver mau cheiro ou cheiro desagradável, dado que poderá indicar a presença de alguma infecção por debaixo do aparelho.

Quando o aparelho está demasiado apertado

Se o aparelho da criança estiver apertado, poderá ser que o braço ou a perna estejam inchados, o que poderá dificultar a circulação do sangue no braço ou na perna.

Quando o aparelho estiver folgado ou partido

Se o aparelho estiver folgado ou partido, poderá ser necessário ser reparado ou substituído.

Cuidados a ter com o aparelho da criança em casa

  • Mantenha o aparelho limpo e seco.
  • Quando estiver sujo, limpe-o com um pano húmido, deixando a área ao ar até secar. Também poderá utilizar-se um secador de cabelo regulado para ar frio ou fresco.
  • Não coloque nada que arranhe por debaixo do aparelho, como algodão, moedas ou canetas. É normal sentir comichão debaixo do aparelho.
  • Não corte nem altere a forma do aparelho da criança.
  • Verifique a pele junto às extremidades do aparelho e procure ver se existem bolhas ou vermelhidão.
  • Enquanto estiver a descansar, a criança deverá manter o braço ou a perna subidos sobre uma almofada.

Retirar o aparelho

Os aparelhos são retirados com uma serra eléctrica própria. Embora não seja um processo doloroso, é ruidoso. Para proteger os ouvidos durante o processo, a criança poderá usar tampões.

O que os pais poderão fazer se estiverem preocupados

Se os pais estiverem preocupados sobre a forma como o osso está a curar, deverão levar a criança ao médico de família ou ao pediatra.

Pontos principais

  • O aparelho da criança pode ser feito de gesso ou de fibra de vidro.
  • Verifique o gesso da criança quatro ou cinco vezes ao dia.
  • Poderá haver algum problema com o aparelho da criança se: os dedos da mão ou do pé estiverem azulados, brancos ou inchados; se ela não conseguir dobrar ou esticar os dedos da mão ou do pé; se ela sentir dormência ou picadas no braço ou na perna; se houver mau cheiro proveniente do aparelho; se o aparelho estiver apertado, solto ou partido.
Last updated: novembro 17 2009