A icterícia

Jaundice in newborns [ Portuguese ]

PDF download is not available for Arabic and Urdu languages at this time. Please use the browser print function instead.

A icterícia é um problema que causa o amarelecimento da pele e da parte branca dos olhos. Informe-se sobre as causas e os tratamentos para a icterícia em recém-nascidos.

O que é a icterícia?

A icterícia é uma patologia que causa a cor amarela da pele, dos tecidos e dos fluidos expelidos pelo organismo, destacando-se com mais frequência na pele ou nas partes brancas da vista. A cor amarela é causada pela acumulação de bilirrubina no sangue, isto é, um pigmento libertado no sangue quando os glóbulos vermelhos se degradam.

A icterícia é frequente nos recém-nascidos e acontece porque estes nascem com mais glóbulos vermelhos do que precisam. Por conseguinte, estes degradam-se libertando a bilirrubina no sangue.

É normal que os recém-nascidos tenham icterícia nos primeiros dias de vida, sendo habitualmente inofensiva.

O recém-nascido pode ter níveis anormalmente elevados de bilirrubina no sangue pelos seguintes motivos:

  • Infecção, desequilíbrios metabólicos ou outras patologias que possam facilitar a degradação dos glóbulos vermelhos.
  • Problemas hepáticos ou intestinais, assim como determinados medicamentos, poderão contribuir para que o organismo demore mais tempo a libertar a bilirrubina do que é habitual.
  • Nos recém-nascidos, a bilirrubina é reabsorvida no sangue a partir dos intestinos antes de ser eliminada do organismo. Nos bebés que não se alimentam muito bem, há mais reabsorção de bilirrubina, sendo este o motivo mais frequente para a existência de icterícia nos recém-nascidos.

E se me informaram que o bebé tem icterícia da amamentação ou do leite materno?

É possível que já tenha ouvido algumas pessoas falarem sobre a icterícia da amamentação ou do leite materno. Ambos são termos confusos. Alguns casos de icterícia poderão estar associados à amamentação, situações normais e, geralmente, inofensivas para o bebé.

É sempre bom amamentar o bebé o mais que puder. A Sociedade Canadiana de Pediatria e outras associações pediátricas recomendam a amamentação durante, pelo menos, os primeiros seis meses de vida do bebé. Em alguns casos, os bebés e as mães precisam de obter assistência nos aspectos da amamentação e da alimentação em geral. O médico, um consultor em lactação ou uma enfermeira poderão ajudar a responder a questões ou problemas relativos à alimentação.

Sinais e sintomas da icterícia

A icterícia causa a coloração amarela da pele e dos olhos do bebé, podendo também deixá-lo sonolento e dificultar um pouco mais a sua alimentação. As fezes do bebé com icterícia poderão ficar pretas ou escuras por mais tempo após o nascimento, enquanto que tal não acontece num bebé sem icterícia.

O que o médico poderá fazer quando o bebé tem icterícia

O médico examinará fisicamente o bebé e confirmará o diagnóstico através de um exame simples a fim de verificar o nível de bilirrubina. Em seguida, decidirá quanto à melhor forma de cuidar do bebé, baseando-se no resultado do exame. A idade e o peso do bebé ao nascer também são importantes.

Quando você e o bebé deixarem o hospital, o médico ou a enfermeira explicarão o que é preciso fazer para ajudar o bebé.

Se o exame indicar que há uma forte possibilidade de o nível de bilirrubina aumentar de forma a exigir mais tratamento, o médico providenciará uma consulta de acompanhamento, o bebé será novamente examinado e fará análises.

Se o médico achar que poderá haver uma razão mais complexa para a icterícia, poderá optar pela realização de outros exames complementares.

Complicações da icterícia

Alguns bebés precisam de tratamento para impedir que a icterícia se agrave.

Um número muito baixo de bebés com icterícia muito grave poderá vir a sofrer de icterícia nuclear. Apesar de ser muito raro, a icterícia nuclear pode originar a perda de audição ou lesão cerebral persistente.

Tratamento da icterícia

Fototerapia (tratamento por luz)

Fototerapia significa "tratamento com luz." Um médico ou uma enfermeira despirá o bebé, proteger-lhe-á os olhos e ficará exposto a uma luz especial.

A pele e o sangue do bebé absorvem as ondas de luz. Esta altera a bilirrubina de forma a ficar solúvel na água, para que o organismo a liberte mais facilmente.

Existe também um produto chamado “BiliBlanket”, o qual consiste noutra alternativa para tratar a icterícia do bebé através da luz. É composto por uma almofada lisa com uma jaqueta que é colocada à volta do bebé e que está ligada a um aparelho especial por um fio comprido de cor cinzenta. O aparelho ilumina a almofada.

Estes tratamentos são totalmente seguros.

Efeitos secundários da fototerapia

Os bebés poderão ter fezes frequentes e soltas, podendo por vezes ser esverdeadas. É uma situação normal, visto o organismo libertar a bilirrubina nas fezes. Este efeito secundário desaparece quando o tratamento terminar.

Os bebés que foram tratados com fototerapia serão também monitorizados para não ficarem desidratados. Alguns bebés poderão precisar de mais líquidos por via intravenosa.

Prevenção da icterícia

Alimente o bebé com frequência, sobretudo amamente-o nas primeiras horas e dias após o nascimento, o que irá ajudar a reduzir o risco de ele vir a sofrer gravemente de icterícia. Ao ser alimentado, o bebé evacuará mais vezes. O leite proporcionará ao fígado a energia necessária para libertar a bilirrubina.

Quando deverá obter assistência médica

Contacte o médico habitual do bebé se ele:

  • aparentar ter icterícia (cor amarela)
  • aparentar estar mais letárgico ou inactivo
  • não estiver a alimentar-se bem ou apresentar sinais de desidratação

Leve o bebé ao serviço de urgência mais próximo ou, se necessário, ligue 911, se:

  • o bebé estiver extremamente letárgico ou inactivo
  • o bebé estiver a vomitar
  • o bebé tiver febre
  • estiver preocupado(a) com o facto de a icterícia estar a piorar e o médico não se encontrar disponível

Pontos principais

  • Se o bebé aparentar estar a piorar da icterícia, obtenha assistência médica no mesmo dia.
  • Amamente o bebé.
  • Se o bebé recém-nascido não estiver a alimentar-se bem, procure assistência médica no mesmo dia.
  • Se os pais tiverem sido instruídos para voltarem ao hospital mais tarde, para verificação do nível de bilirrubina ou do estado da icterícia no bebé, deverão seguir atentamente as instruções recebidas.
Last updated: março 05 2010